quinta-feira, 13 de junho de 2013

A propósito da greve dos professores

Eu sei e compreendo (MESMO!!) as razões dos professores deste país! Familiares meus próximos, são professores, e juro por tudo que percebo. Mas só peço uma coisa, não me obriguem a ir à 2ª chamada! Por favorzinho!!! Percebo que uma greve só faz efeito quando feita numa situação destas, mas tentem perceber o que é estar a estudar até meados de Julho, quando podia ter ficado feito agora nos fins de Junho. Já para não falar que, se formos obrigados a ir à 2ª fase, não teremos a suposta "2ª fase" para tentar subir a nota da 1ª. Acho eu! (se estiver errada, corrijam-me) Não gosto de ser egoísta, mas são as notas e o futuro (no meu caso e dos meus restantes colegas de 11º e 12º anos) que está em jogo. 
Muito agradecida! E digo, mais uma vez, que compreendo as razões dos professores, mas, neste momento, estou muito mais preocupada em tirar uma boa nota no exame de Biologia e Geologia e Física e Química, para conseguir, daqui a um ano, entrar na faculdade que quero.
P.S.: E nós não somos obrigados a pagar a crise que se gerou em Portugal, nem os esforços que o governo está a obrigar os professores a fazer. Nós é que não temos culpa disto. Acho que ainda nem éramos nascidos quando isto tudo começou...

Sem comentários: